Pelo quatro ano seguido na Florida Cup, Corinthians aposta na ampliação da marca

 Versão para impressão  

São Paulo - Pelo quarto ano consecutivo, o Corinthians participará da Florida Cup, nos Estados Unidos, como uma forma diferenciada de fazer a sua pré-temporada. Além da possibilidade de realizar confrontos que não são comuns de serem disputados, como a partida contra o PSV Eindhoven, da Holanda, nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), em Orlando, o torneio é uma forma de valorizar a marca do clube no exterior.

Segundo dados divulgados pela organização da competição, o torneio gera mais de R$ 830 milhões em exposição de mídia para as marcas. Dados divulgados pelo Ibope Repucom mostram que a edição do ano passado entregou 64 mil aparições para mais de 120 marcas exibidas durante as transmissões televisivas.

Serão mais de 140 países que irão exibir o torneio, totalizando mais de 50 milhões de telespectadores. Além disso, existe a valorização da marca fora do Brasil, que faz com que o clube acabe sendo reconhecido também em outros continentes e ampliando os seus mercados.

Outra característica do torneio é a realização de uma Fan Fest, realizada em dias de jogos com atrações musicais, semelhante às ocorridas durante a Copa do Mundo. Entre outros artistas, vão se apresentar a dupla brasileira Fernando e Sorocaba e o grupo de country norte-americano Chris Weaver Band. Parte da renda obtida no torneio será destinada para ajudar porto-riquenhos que foram levados para a região central da Flórida depois da passagem do furacão Maria, que devastou a ilha, em setembro do ano passado.

Apesar de tudo isso, pesando os prós e contras, o Corinthians não tem presença assegurada no torneio para 2019. Financeiramente, o clube afirma ter um retorno pequeno, já que não há premiação para o campeão. Por outro lado, os clubes participantes não precisam pagar nada pela presença.

O que será avaliado pela nova diretoria - a eleição para presidente do clube ocorre no dia 3 de fevereiro - junto com a comissão técnica é a questão técnica. A pré-temporada é prejudicada pelo desgaste da viagem e excesso de compromissos nos Estados Unidos.

Enquanto os clubes que ficam no Brasil treinam, normalmente em dois períodos, o Corinthians fez apenas rápidos treinos nos Estados Unidos e os atletas já foram participar de eventos. A delegação corintiana volta ao Brasil neste domingo.

Em 2015, quando a Florida Cup foi criada, Corinthians e Fluminense assinaram um contrato com os organizadores da competição para participar das três primeiras edições.

Nesta quarta-feira, o time do técnico Fábio Carille entrará em campo para enfrentar o PSV Eindhoven, no estádio do Orlando City, com transmissão da TV Bandeirantes e do SporTV. A partida marca a estreia de Juninho Capixaba como titular na lateral esquerda.

 Versão para impressão  

MAIS LIDAS

Jornal Folha Vitória
Todos os direitos reservados © 2007-2016